Matérias

Jipeiros: lama, família e muita amizade no litoral do estado

No sábado (19), Guaratuba recebeu o passeio de Jipe em uma pista especial preparada do Centro de Eventos de Guaratuba e uma trilha de 32 km. Ao todo, 32 veículos participaram da modalidade, que faz parte dos Jogos de Aventura e Natureza.

Sileide Taborda, de 51 anos, resumiu a história: “Amo barro, amo aventura”. Ao lado do marido, Anderson, eles passaram pela trilha com a Valentina, nome que foi dado ao veículo quatro por quatro. Mesmo com esse carinho, Anderson afirmou que não tem dó de colocar o carro no mato.

 “A gente gosta da brincadeira e sabe que isso pode acontecer, estragar motor, estragar radiador…”, contou ele. Segundo Sileide, o carro de um jipeiro é sempre um saco sem fundo, que eles esperam detonar mais para consertar e o deles já foi todo reformado. “Aventura é ter uma marca a mais nela”, explicou.

Em clima de família e de muita amizade, os desafios nunca são enfrentados sozinhos. Para ele, a modalidade nos Jogos de Aventura e Natureza trazem visibilidade não só para os jipeiros, mas também para todos os esportes em geral.

Quem também participou do passeio foi o pequeno Luigi Custódio de Lima, de 6 anos, que já decidiu que será paraquedista e jipeiro. Ao lado do pai, Fernando Ferro de Lima, eles participam de aventuras com jipe em quase todos os finais de semana. Sobre o ambiente, o Fernando afirmou que o clima é de comunidade. “O Pessoal está junto dentro e fora da trilha, é uma comunidade que se ajuda, se respeita. É um lugar que reúne famílias, um ambiente bem saudável e bem bacana”, explicou.

Os Jogos de Aventura e Natureza são promovidos pelo Governo do Estado, com o apoio das prefeituras municipais.