Matérias

Aldeias, museus, e belezas naturais: saiba o que visitar em São Miguel do Iguaçu

São Miguel do Iguaçu, uma das cidades que vai receber a terceira etapa dos Jogos de Aventura e Natureza, tem diversas atrações turísticas. Além das belezas naturais, com pesca, recantos, piscinas e comidas orgânicas, a cidade também abriga a aldeia indígena Teko Ocoy e a comunidade quilombola Apepu.

São Miguel do Iguaçu está localizado a 595 km de Curitiba, no Extremo Oeste do Paraná, próximo a um dos maiores destinos turísticos do mundo, Foz do Iguaçu.

Veja os lugares mais visitados:

Aldeia Indígena Teko Ocoy

Reserva dos índios da tribo Guarani. A comunidade preserva e demonstra sua crença, cultura e tradições nas danças, cantos, rezas e artesanato. Também produzem a árvores da vida, artesanato típico do município.

Comunidade Quilombola Apepu

O nome é em referência a um tipo de laranja abundante na área rural de São Miguel do Iguaçu. A comunidade mantém as tradições como a medicina natural, artesanato, folclore e agricultura familiar.

Sítios Takahashi e Arruda

Paisagens naturais exuberantes com passeios para contemplar o campo e gastronomia local.

Terminal Turístico de Balneário Ipiranga

Local de lazer com pesca e navegação no Lago de Itaipu. O Terminal Turístico conta com área de camping, espaço para banho, piscina natural e atracadouro.

Museu Histórico Municipal

O museu foi aberto à visitação pública em 2005. Possui acervo de aproximadamente 200 peças e mais de 1.000 fotos que revelam a história da colonização do município.

Colaboração Esporte Paraná

(Foto: Prefeitura de São Miguel do Iguaçu)